Luiz Dalazen

ARTISTA DA DANÇA, MATEMÁTICO, MESTRE EM EDUCAÇÃO PELA UFPR E ESPECIALISTA EM TEORIA E MOVIMENTO DA DANÇA NOS DIVERSOS GÊNEROS DAS DANÇAS A DOIS, TANTO EM SUA PRÁTICA SOCIAL COMO EM SUA TRANSPOSIÇÃO CÊNICA EM PRODUTOS ARTISTICOS.

Professor, dançarino e coreógrafo há mais de 17 anos. Trabalha no desenvolvimento das principais danças à dois entre elas o Samba de Gafieira, Bolero, Forró, Zouk, Salsa, Bachata, Cha Cha Cha, West Coast Swing, Valsa tendo em seu carro chefe o Tango. Seu campo de estudo abrange a criação da identidade da linguagem artística das danças a dois, seu estudo científico e a construção de uma pedagogia do movimento exclusiva para o seu ensino.

Iniciou seus estudos no Grupo de Danças do CEFET/PR, em 2000, e a partir disso, trabalhou nas principais escolas de dança de salão, em Curitiba/PR, e viajou o Brasil e países do exterior, como Alemanha, Grécia, Holanda, Itália, Estados Unidos, Venezuela, Costa Rica, Uruguai, Paraguai e Argentina pesquisando a essência e o caráter das danças de salão, aprimorando seu conhecimento técnico e metodológico além de ministrar classes sobre Teoria da Prática, Danças Brasileiras e Latinas e Composição Coreográfica.

DALAZEN

A área acadêmica tem sido uma grande descoberta pessoal com pesquisas aprofundadas junto aos temas ligados a dança e as danças a dois. Mesmo sendo Bacharel e Licenciado em Matemática, pela UFPR, Mestre em Educação pela mesma instituição, articula e une esses conhecimentos com o universo da Dança em sua atividade na especialização em Teoria e Movimento da Dança, com ênfase em Danças de Salão da Universidade Tuiuti do Paraná, curso no qual é professor, orientador e palestrante.

Seu aprofundamento com o Tango acontece com a formação exclusiva na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, em Joinville/SC, com o Curso de Qualificação-Profissional em Tango-Dança.

O foco principal do seu trabalho tem se fundamentado no processo de ensino e aprendizagem e da composição coreográfica e criação de espetáculos específica com a linguagem das danças a dois tendo em seu currículo a criação de mais de 12 espetáculos para companhias de Curitiba, Jaraguá do Sul e São Paulo. Entre os espetáculos se destacam: “PÉTALAS”, “MURO DE ESTRELAS”, “UM ANO, DOIS MESES E TRÊS SEMANAS”, “PELO TELEFONE”, “PARECE QUE DIZES…”, “FLOR D’ELIS”, “SER TÃO”, “SETE”, entre outros.

Atualmente é vice-presidente da Associação de Dança de Salão de Curitiba e Região Metropolitana (ADanS) e idealizador e realizador do Curitibaila, evento que reúne mais de 1000 participantes, anualmente, celebrando a Arte das Danças a Dois.

PRODUTOS

PRÁTICA SOCIAL, ESPETÁCULO/SHOW e COMPETIÇÃO

As danças de salão, originalmente, nascem como uma prática popular com foco no lazer e no improviso, contudo, a cada ano novas possibilidades estão surgindo para usar essa linguagem como produto cênico ou como linguagem de torneios e campeonatos, contudo cada uma dessas modalidades tem sua identidade e merece um estudo aprofundado.  Os mais diversos gêneros de dança a dois (Samba de Gafieira, Bolero, Forró, Zouk, Salsa, Bachata, Cha Cha Cha, West Coast Swing, Valsa, Tango…) possibilidade que cada uma dessas vertentes possa ser desenvolvida e aprofundada. Sejam em aulas particulares individuais, duplas, grupos fechados, como em workshops e seminários com qualquer um dos gêneros citados acima.

Duração sugerida: Adequada a carga hora desejada pelo contratante
Público alvo: Coreógrafos, diretores, competidores e artistas da dança de todos os gêneros

Apresentações coreográficas e pocket shows exclusivos para se adequar ao tema e necessidade do seu evento que deseje a linguagem cênica das danças a dois. Entre as possibilidades se sugerem os shows: FLOR D’ELIS (só com temas cantados pela Elis Regina); NO ESCURINHO DO CINEMA (com os temas emblemáticos dos filmes), DETALHES (com as principais canções do Roberto Carlos), MEU BRASIL BRASILEIRO (com o melhor do samba, forró, lambada e sertanejo), NOITE LATINA (com o melhor da salsa, merengue e bachata), EL DIA QUE ME QUIERAS (com o melhor do Tango Argentino), entre outros conforme a necessidade e especificidade do seu evento. 

Duração sugerida: Adequada a necessidade do contratante.
Público alvo: Produtores e Agências

COMPOSIÇÃO COREOGRÁFICA

Como uma linguagem vasta, utilizar as danças a dois como estímulo e referência para a criação de espetáculos e composição coreográfica é uma prática ainda muito recente no universo da dança. Com esse produto, colaboramos com os artistas desde o processo de concepção de ideia, até a parte de composição do movimento, criação coreográfica, mecanismos de incentivo financeiro e produção geral para a criação dos seus produtos artísticos.

Essa atividade contempla também as criações de coreografias exclusivas para casamentos, festas de 15 anos, bodas, festas corporativas e qualquer atividade festiva.

Duração sugerida: Adequada a necessidade do contratante.
Público alvo: Público em geral e Coreógrafos, diretores, produtores e artistas da dança de todos as linguagens.

Teoria e Prática

Muitos acreditam que dançar é só fazer “passinhos”, contudo dançar é muito mais que isso, pois um profissional que domina os seus fundamentos essenciais consegue aplicá-los e melhorar indescritivelmente a sua prática e o seu ensino. Essa abordagem pioneira desse produto contempla tanto a parte teórica quanto a prática, através de exercícios, desenvolvendo um estudo aprofundado sobre a Motricidade e Percepção Corporal, Postura/Equilíbrio e Alinhamento Corporal, Comunicação a Dois, Espaço, Musicalidade, Qualidade de movimento, Caráter aplicado à dança de salão e Criatividade que são fundamentos essenciais e transversais a todas as danças a dois.

Essa sugestão de tema é muito adequada para congressos de dança e seminários de aprofundamento. 

Duração sugerida: Mínimo 4h (seguindo a necessidade e possibilidade do evento).
Público alvo: Praticantes e profissionais de todos os gêneros.

TEORIA DA PRÁTICA

Cientificar o movimento e estudar o que está por trás da sua ação faz com que o dançarino(a) amplie as suas possibilidades dançantes, independente de que modalidade ele opte por se enveredar (seja social, cênica ou de competição). Por isso, entender os mecanismos, as diferentes técnicas presentes, métodos de improvisação, as possibilidades de estar junto e as infinitas opções de mapear e executar o repertório fortalece e valoriza a sua prática. Esse curso é pioneiro no Brasil e já foi ministrado na Grécia, Estados Unidos e Europa.

Essa sugestão de tema é muito adequada para congressos de dança e seminários de aprofundamento.

Duração sugerida: Mínimo 4h (seguindo a necessidade e possibilidade do evento).
Público alvo: Praticantes e profissionais de todos os gêneros.

Os diversos temas das danças a dois podem ser desenvolvidos teoricamente em uma abordagem reflexiva e dinâmica para colaborar com a sua prática. Entre os temas sugeridos para palestras se destacam:

– O homem, a mulher e o gênero nas danças a dois;
– O que é ser livre dançando a dois;
– O prazer em dançar e ensinar as danças a dois;
– Que dança eu danço e como me comunico;
– Condução? Quem manda nessa dança?
– Uma pedagogia do movimento aplicada as danças a dois;
– Transposição do salão para palco: cuidados e possibilidades;
– Gestão e produção cultural para a Dança.

Duração sugerida: Mínimo 2h (seguindo a necessidade e possibilidade do evento).
Público alvo: Praticantes e profissionais de todos os gêneros.

Todo o conteúdo das palestras é ministrado com apoio de um sistema multimídia, estudo de vídeos e aplicações práticas.

Em 10 situações emblemática são apresentadas temáticas do mundo da dança que, se aplicadas ao mundo corporativo, podem contribuir significativamente na resolução dos conflitos entre os empregados e cadeia diretiva, de uma maneira lúdica e descontraída, melhorando a harmonia da instituição.

Duração sugerida: De 2h a 4h (seguindo a necessidade da demanda)
Público alvo: Corporações diversas.

Jurado nos principais Festivais, Congressos e Competições de Dança no Brasil. Por sua versatilidade diante dos diversos gêneros e outras linguagens de dança e arte contribui significativamente para a análise crítica e construtiva tanto das modalidades improvisadas como coreográfica.

Duração sugerida: até 3h (seguindo a necessidade do evento)
Público alvo: Organizadores de eventos.

Outros talentos

Dance & Concept

  • Juliana Kis

    Artistas

  • Raphael Fernandes

    Artistas

  • Eladio Prados Neto

    Artistas

  • Thiago Fernandes

    Artistas

Quer conhecer mais artistas?